Ir para a aula não pode, mas praia e balneários sim, e ainda STF apronta mais uma e libera fichas sujas. Dois pesos e uma medida, apenas aula não pode, mas praia e balneários sim


  • Compartilhar com:
  • Whatsapp
  • Email

 

Professores não querem aula, querem lazer

Um grupo de professores e sindicalistas são contra o retorno das aulas presenciais na rede pública e vem desde o anuncio fazendo movimento contra. Para esse grupo o retorno é risco de novas contaminações pelo Covid 19, porém os professores esqueceram de avisar aos colegas que aproveitam a folga e movimentos grevistas, para frequentar shopping e principalmente balneários também podem elevar o numero de contaminados.
A grande maioria, quase absoluta mantém o desprezo pelo uso de máscaras em locais públicos e isso é um dos motivos mais relevantes para o aumento de casos do coronavírus (covid-19) em Manaus. Só para se ter uma ideia, no ultimo final de semana,  com o fim de semana prolongado e sol escaldante, os balneários públicos estavam lotados e ai as crianças, que os pais estão com medo de manda para a escola, estavam no meio sem nenhuma proteção.
Os casos na capital do Amazonas estavam em queda. No entanto, voltaram a crescer e a previsão é que tenhamos um novo surto e o retorno as aulas não terão tanta culpa.

STF a vergonha do Brasil  

A cada dia o Supremo Tribunal Federal nos surpreende e se sobrepõe em temas que seriam do Congresso Nacional e da um golpe atrás do outros no combate a corrupção. Dessa vez a corte liberou políticos com ficha suja a ser elegíveis nas eleições de novembro. A justificativa é que eles seriam inelegíveis nas eleições de outubro e como houve mudança de data das eleições devido à pandemia de covid-19 o STF acabou beneficiando candidatos que estariam impedidos de disputar o pleito com base na Lei da Ficha Limpa.
Debochados

Os ministros do TSE ignoraram o fato de que o impedimento era participar “das eleições de outubro” no sentido de que o candidato ficha suja fosse impedido de disputar o pleito de 2020. Autorizá-los a participar sob a alegação de que a eleições passaram para novembro chega a ser um deboche.

Rotta fica puto

Ao ser anunciado como vice na chapa do candidato a prefeito de Manaus David Almeida do Avante, o vice prefeito de Manaus ficou com raiva (Puto), bem aos seu estilo, ao ser indagado por jornalistas, após a fala de David Almeida, que ao anuncia-lo, disse que Manaus teria dois prefeito. O jornalista lembrou que o mesmo discurso foi usado pelo então candidato a prefeito de Manaus Artur Neto, quando anunciou Marcos Rotta como seu vice, naquela época indicado por Eduardo Braga. Rotta irritado, disse para os jornalistas pergutarem do prefeito ou do Hissa Abrão, que também foi vice de Artur.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Alec Baldwin dispara arma cenográfica e mata cineasta

Alec Baldwin dispara arma cenográfica e mata ci...


Australianas têm 'muita motivação' para enfrentar Brasil, diz técnico

Australianas têm 'muita motivação' para enfrent...


Sine Manaus disponibiliza 118 vagas de emprego nesta sexta-feira, 22/10

Sine Manaus disponibiliza 118 vagas de emprego nes...


Biden diz que EUA têm compromisso de defender Taiwan

Biden diz que EUA têm compromisso de defender Tai...