Publicidade


Entenda o que deve acontecer com Daniel Alves após receber sentença


  • Compartilhar com:
  • Whatsapp
  • Email

Nesta quinta-feira (22/2), Daniel Alves recebeu a pena de 4 anos e 6 meses de prisão por agressão sexual, em Barcelona, na Espanha. Mas alguns detalhes acerca da pena do jogador podem fazer com que ele cumpra parte da pena em liberdade, indo apenas dormir na prisão por exemplo. 

Possível parte da pena em liberdade

A lei espanhola permite que Alves solicite o terceiro grau penitenciário ao Juiz de Vigilância Penitenciária, após o cumprimento obrigatório de dois anos e quatro meses, ou seja, em maio do ano que vem, somando com o tempo que ele passou preso em 2023. As informações são do jornal espanhol, Marca.

Caso consiga a solicitação, o brasileiro pode ganhar o direito de voltar para a casa, mas dormir na prisão ou voltar para sua residência aos finais de semana. Por enquanto, ele permanece preso na Brians 2, em Barcelona.

Outras formas de atenuar mais ainda o tempo de prisão no país é através do bom comportamento ou ter a redução de um dia preso por cada dois dias trabalhados. Caso Daniel Alves não consiga obter essas medidas mas cumpra esses requisitos, ele poderá ser libertado em janeiro de 2026, cumprindo dois terços da pena.

Mesmo após o cumprimento da pena, a juíza do caso solicitou que Daniel tenha os próximos 5 anos de liberdade sob vigilância, fique afastado da mulher que o acusou do crime por nove anos e pague uma indenização de 150 mil euros (cerca de R$804 mil na cotação atual). Ele também deve pagar as custas do processo.