Novembro 17

Categoria: Saúde

Fim de ano: aumenta procura por clínicas de emagrecimento


  • Compartilhar com:
  • Whatsapp
  • Email

Conforme Thaine Malinowski, especialista em emagrecimento saudável, aponta que usar o vestido branco colado ao corpo é o sonho das mulheres que buscam reduzir peso de forma, em tempo recorde


A menos de dois meses para a festa de Réveillon, clínicas de emagrecimento e academias registram crescimento de até 50%, em relação ao mesmo período do ano passado, no número de pessoas, que buscam perder peso de forma rápida e saudável com o auxílio de profissionais especializados. Entre as especialistas que ajudam nesta etapa está a coach de emagrecimento, Thaine Malinowski, que garante ser possível emagrecer até mais de dez quilos com dedicação, dieta e exercícios físicos. 

A especialista, reforça a que as mulheres que estão acima do peso e que ganharam alguns quilinhos, durante a permanência em casa, na pandemia, voltaram para clínicas de estética. “Durante a pandemia, sentimos que o mercado de estética recuou, por conta das medidas de segurança. Mas, conforme foi ocorrendo as flexibilizações, esse público, que ganhou alguns quilinhos, na pandemia, retornou para as clínicas. Hoje, a menos de dois meses para as festas, as mulheres tem vontade de usar o famoso vestido branco, nas festas de fim de ano e isso faz com que setor se reaqueça neste final de ano”, explica. 


Thaine argumenta que a maioria das mulheres já chegam na clínica sabendo a quantidade de peso que querem perder e quais tratamentos querem utilizar. “A partir dessas informações, vamos elaborar o melhor protocolo para cada paciente”, comenta. No momento, a clínica Modelart já está com planos de funcionamento até a noite. Tudo isso, para atender a alta procura pelo serviço. “Já estamos com muitos agendamentos para noite, para aquelas pessoas que trabalham durante o dia”, informa.

 A coach em emagrecimento relembra que um levantamento recente feito por um grupo de pesquisadores das áreas de endocrinologia, psicologia e patologia mostrou que quatro em cada dez brasileiros aumentaram de peso, durante a pandemia, devido ao consumo excessivo de pães e massas no período. “A pesquisa mostrou que o ganho médio de peso foi de dois a 12 quilos, entre participantes que estavam isolados há mais de 45 dias”, alerta. “Com certeza esse aumento de peso entre muitas pessoas foi um fator decisivo para que buscassem atendimento especializado, neste momento pré-festas”, disse.

Foco
Thaine revela que o ideal é iniciar o tratamento de emagrecimento o quanto antes, para poder obter os resultados desejados, no período festivo, momento em que as pessoas mais tiram fotos. “Montamos um protocolo completo. Ao fazermos a consulta, vamos conhecer os hábitos, preferencias e escolhas alimentícias de cada paciente. Com base do que ele gosta ou não, a nutricionista elabora um cardápio adequado para todos os meses que o paciente vai ficar conosco”, acrescenta.  Além disso, todos os procedimentos estéticos, utilizados são novidades no mercado de emagrecimento.. “Estamos no mercado há mais de dez anos e já eliminamos mais de 700 quilos de gordura de todos nossos pacientes. Nossa unidade em Manaus já é sucesso”, completou.

NOTÍCIAS RELACIONADAS